segunda-feira, 17 de setembro de 2012


Durante a madrugada é quando tudo parece mais real e todas as vontades perdem o sentido. Apenas ficar imóvel e sobreviver. Respire. Respire. Tente não existir pra si mesmo. Tente passar despercebido. Quando as luzes se apagam, surge a verdade sobre os desejos. Eles só são medo.

Nenhum comentário: